top of page

Viradouro apresenta protótipos de fantasias pra 2024

Em um evento restrito a convidados e lideranças dos segmentos da escola, a Unidos do Viradouro apresentou no barracão, na Cidade do Samba, os protótipos das fantasias para o Carnaval 2024.


Foto: Rafael Arantes

 

A apresentação do evento ficou por conta de Marcio Moura, diretor coreográfico da Viradouro, e da atriz Laiza Bastos. Foram mostradas as fantasias das 22 alas que serão divididas nos cinco setores do desfile que vai contar o enredo “Arroboboi, Dangbé”.

 

A confecção dos protótipos foi feita pelos profissionais do ateliê da escola, coordenados por Alessandra Reis. Além dos figurinos que serão reproduzidos para ilustrarem o desfile do ano que vem, foram criados outros cinco exclusivamente para a festa, que foram vestidos por pessoas bem conhecidas e queridas pela comunidade. Tia Clea, responsável pela ala das baianas, representou a Sacerdotisa Ancestral. As musas Carolina Macharette e Bellinha Delfim encarnaram, respectivamente, a Guerreira Minô e Gu Rainha. A Senhora da Irmandade foi representada pela porta-bandeira Rute Alves, enquanto o jovem ritmista Caio deu vida a um Ogã.


Foto: Rafael Arantes

 

O carnavalesco Tarcisio Zanon resolveu utilizar em algumas fantasias do próximo desfile uma bem-sucedida experiência que adotou em algumas alegorias do último carnaval.


Foto: Rafael Arantes

 

- A mesma arte cinética que usei em algumas alegorias se integra, agora, a algumas fantasias. Minha preocupação também foi aliar plasticidade e leveza. Posso garantir que, de todas as fantasias que criei em anos anteriores, foram os protótipos que mais se transformaram quando saíram dos manequins pra vestir quem se apresentou com eles na festa – observa o artista, que assina o quarto trabalho consecutivo na escola de Niterói.


A Viradouro será a última a desfilar na Marquês de Sapucaí, no segundo dia de espetáculo do Grupo Especial.

Comments


dba36d_ed1833afb2024b58a83564e5ff3597ff_mv2.png
20230401_140001.png
bottom of page