top of page

Império Serrano promove o primeiro ensaio técnico carbono zero da história do Carnaval

Em parceria com a Atmmos.io, a escola da Serrinha vai dar mais um passo no ramo da sustentabilidade


Foto: Pedro Siqueira

Pioneiro na criação de uma diretoria voltada para sustentabilidade, o Império Serrano vai inovar em seu ensaio técnico, no próximo sábado, dia 20 de janeiro. Antes de rasgar o chão Marquês de Sapucaí com a força da sua comunidade, o Reizinho de Madureira vai apresentar o certificado de compensação de carbono do evento. Esta ação inovadora é viabilizada pela Atmmos.io, uma start-up emergente no cenário de inovação social carioca, especializada em soluções de sustentabilidade.


Com o apoio da empresa no ramo de tecnologia verde, o Império Serrano vai compensar as emissões de CO2 geradas pelo transporte dos participantes e pelo uso de energia elétrica durante a apresentação na Passarela do Samba.


Este evento reflete a vitalidade e criatividade do mercado de inovação do Rio de Janeiro, mostrando o espírito inovador do Império Serrano e da Atmmos.io. Juntos, as entidades estão redefinindo a abordagem de eventos culturais, harmonizando tradição com responsabilidade ambiental.


Segundo Diego Carbonell, diretor de sustentabilidade do Reizinho, a parceria será fundamental para essa nova visão da escola para as causas ambientais.


Foto: Pedro Siqueira

-  Essa ação de compensação é um primeiro grande sinal de que o Império Serrano vem muito forte em suas iniciativas relacionadas à estratégia de sustentabilidade. Temos certeza que a visibilidade dessa ação impactará positivamente na conscientização, não só dos imperianos, mas de todo povo do samba - disse.


Já para Augusto Veríssimo, CMO da Atmmos, a parceria é um reflexo da inovação e do potencial do Rio como um emergente no polo de tecnologia verde.


-  Na Atmmos.io estamos orgulhosos de fazer parte desta transformação, trazendo soluções em sustentabilidade desenvolvidas aqui, no coração do Rio. Esta colaboração não é apenas um passo em direção a um futuro mais verde, mas também um exemplo de como a inovação local pode impactar positivamente a tradição e a cultura - afirmou Augusto.


Os créditos de carbono viabilizados pela Atmmos.io beneficiam o projeto de conservação Jari Amapá na Amazônia, promovendo a proteção ambiental e o apoio às comunidades locais. Esta iniciativa não só compensa a pegada de carbono do Império, mas também lhe confere o selo ‘Compenso Carbono’, um símbolo do seu compromisso com um futuro mais sustentável e verde.”


No Carnaval 2024, o Império Serrano vai apresentar o enredo “Ilú-ọba Ọ̀yọ́: a gira dos ancestrais”, do carnavalesco Alex de Souza. A escola vai saudar os orixás, grandes reis e rainhas do Império de Oyó, seguindo a ordem do ritual do xirê.

Comments


dba36d_ed1833afb2024b58a83564e5ff3597ff_mv2.png
20230401_140001.png
bottom of page