top of page

Escolas de samba do Rio Carnaval produzirão rodos para enviar ao Rio Grande do Sul

Liesa pede doação de madeira para que agremiações possam elaborar mais materiais que ajudem as vítimas das enchentes



O mundo do samba segue unido pela solidariedade às vítimas da chuva no Rio Grande do Sul. Com o objetivo de ajudar as famílias e municípios na reconstrução, todas as agremiações do Rio Carnaval passarão a produzir rodos nos barracões, que poderão ser utilizados para auxiliar na retirada da água de ruas e residências. Para isso, a Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Liesa) está pedindo doações de madeira, que poderão ser entregues na Cidade do Samba.


“Estamos totalmente solidários à população do Rio Grande do Sul e pensando em diversas maneiras de ajudar. Soubemos que eles estão precisando bastante de rodos que sejam fortes para tirar a lama e a água. As escolas de samba, então, concordaram em utilizar os barracões para produzir esses materiais”, contou o presidente da Liesa, Gabriel David.


Poderá ser doado qualquer tipo de madeira, seja ela inteira ou até mesmo em pedaços, de diferentes formas e tamanhos.


Vale ressaltar que a Liesa segue recebendo, também, outros tipos de donativos já solicitados, como alimentos não perecíveis, água mineral, roupas, travesseiros e rações para cachorros e gatos. As doações poderão ser enviadas para a Cidade do Samba, que fica na Rua Rivadávia Corrêa, 60, na Gamboa, entre 10h e 18h.

Comments


dba36d_ed1833afb2024b58a83564e5ff3597ff_mv2.png
20230401_140001.png
bottom of page