top of page

Devido a compromissos ministeriais, Sônia Guajajara não poderá participar do Ensaio Técnico do Salgueiro neste fim de semana

Ministra reforçou que estará presente no desfile oficial da agremiação em 11 de fevereiro


Foto: Divulgação

O Ministério dos Povos Originários informou, por meio de nota, no fim da tarde desta quarta-feira, 17, que a ministra Sônia Guajajara não poderá realizar a viagem que faria ao Rio de Janeiro neste fim de semana, quando participaria do ensaio técnico do Acadêmicos do Salgueiro, neste domingo, 21, na Marquês de Sapucaí. De acordo com o comunicado, devido à sobrecarga na agenda ministerial e às convocações extraordinárias, a Ministra não poderá estar presente, e solicitou à agremiação que uma nova data seja definida para que Sônia seja homenageada. Ainda de acordo com o texto, a participação de Guajajara no desfile, no dia 11 de fevereiro, domingo de carnaval, está mantida.



Confira a nota:


Prezados, boa tarde.


Por determinação do Gabinete da Ministra de Estado dos Povos Indígenas, Sra. Sonia Guajajara, expressamos nossa sincera gratidão pela gentileza do convite para participar do Ensaio Show e do Ensaio Técnico da Agremiação dos Acadêmicos do Salgueiro, nos dias 20 e 21 de janeiro de 2024, no Rio de Janeiro.


Desejamos pleno êxito ao evento e comunicamos que, lamentavelmente, devido à sobrecarga na agenda ministerial e às convocações extraordinárias, a Ministra não poderá estar presente.


Aproveitamos o ensejo para informar que a Ministra está disponível para discutir uma nova data para a realização da homenagem e reafirmamos sua participação confirmada no evento agendado para o dia 11 de fevereiro do ano corrente.


Contamos com a compreensão de todos e permanecemos à disposição para eventuais esclarecimentos.


Atenciosamente,

 

 

Carnaval 2024:

Em 2024, o Acadêmicos do Salgueiro vai levar para a Avenida a história e a luta do povo Yanomami com o enredo Hutukara, de autoria do carnavalesco Edson Pereira. A Academia do Samba faz um alerta em defesa da Amazônia e em particular dos Yanomami, que sofrem efeitos da ação de garimpeiros na sua região. Hutukara significa “a floresta construída dos yanomami”. O enredo é baseado no livro “A Queda do Céu”, de Davi Kopenawa, xamã e líder político do povo yanomami. O Salgueiro é a terceira escola a desfilar no domingo, dia 11/02.


Comments


dba36d_ed1833afb2024b58a83564e5ff3597ff_mv2.png
20230401_140001.png
bottom of page